HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 66%

TEMPERATURA: 28°C

Espécie de ouriço descoberta em 2021 é encontrada na área urbana de João Pinheiro

Ouriço-de-cauda-longa foi capturado na noite de sexta-feira (17) pelo Corpo de Bombeiros e solto em seu habitat natural.

Momento em que o ouriço foi capturado — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Um ouriço-de-cauda-longa foi capturado na noite de sexta-feira (17) na área urbana de João Pinheiro. Moradores da região em que o animal foi encontrado acionaram o Corpo de Bombeiros para realizar o resgate e devolver o animal para o seu habitat natural.

Confundido com seu primo, o ouriço-cacheiro, o ouriço-de-cauda-longa foi identificado em 2021 e pode ser diferenciado pelo tipo de espinhos que tem pelo corpo.

Após muita resistência do animal, os bombeiros conseguiram fazer a captura e identificar que ele não tinha nenhum ferimento.

Depois do resgate, o ouriço-de-cauda-longa foi solto em seu habitat natural fora da área urbana da cidade.

O ouriço-de-cauda-longa

Ouriço-de-cauda-longa — Foto: Corpo de bombeiros/Divulgação

É uma espécie de médio-grande porte, que tem duas subespécies que ocorre em diferentes regiões brasileiras.

A subespécie que ocorre na Amazônia, o Coendou longicaudatus longicaudatus, tem uma coloração geral marrom escura com mescla de branco na região dorsal do corpo. Isso se deve à combinação de espinhos bicolores e tricolores no dorso do animal.

Os espinhos tricolores têm a região basal de cor amarela clara, a região média é longa e de cor marrom escura, e a região distal dos espinhos é geralmente esbranquiçada.

A subespécie que ocorre no Cerrado, o Coendou longicaudatus boliviensis, quase não tem espinhos bicolores na região média dorsal. A região apical dos espinhos tricolores é longa e esbranquiçada.

A região média é bem curta e tem uma cor marrom clara. Já a cor da região basal dos espinhos é esbranquiçada. Esses espinhos são longos, maiores que 10 cm, e bem curvados.

Por g1 Triângulo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados