HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 63,20%

TEMPERATURA: 27°C

Homem chama a PM alegando que garota de programa furtouseu carro e usou seu cartão de crédito em compras

Segundo a PM, ele disse que conhece a mulher há três anos e que já fez programas sexuais com ela, mas que não a procurava fazia muito tempo por conta de seu temperamento forte. Ocorrência foi registrada em Curvelo.

Um homem, de 56 anos, acionou a Polícia Militar alegando que uma garota de programa, de 25, furtou seu carro e estava fazendo compras com seu cartão de crédito em Curvelo.

Segundo a PM, ele disse que conhece a mulher há três anos e que já fez programas sexuais com ela, mas que não a procurava fazia muito tempo por conta de seu temperamento forte e que inclusive já registrou uma ocorrência de ameaça contra a mulher.

O homem também falou para os policiais que estava em casa quando ela chegou e pediu para tomar um banho e se maquiar nessa quarta-feira (17). Ao sair e retornar, percebeu que seu carro havia sido furtado e que as chaves do imóvel haviam sido levadas. Ele então ligou para a mulher que informou que iria “devolver o veículo aos pedaços”. Pouco tempo depois, começou a receber mensagens no telefone informando sobre as várias compras que estavam sendo feitas com seu cartão, que tinha o recurso de aproximação habilitado.

De acordo com a PM, o automóvel foi localizado perto de um bar, onde a mulher estava fazendo uso de bebidas alcoólicas. Ao ser questionada, ela disse que era garota de programa e que fez vários serviços sexuais para o homem, afirmando ainda que apenas pegou o carro dele emprestado. As chaves do veículo e o cartão de crédito da vítima foram encontrados na bolsa dela.

Durante o registro da ocorrência, a equipe da PM ainda ouviu a mulher proferir várias ameaças contra o homem. Ela foi levada para a delegacia.

Por g1 Grande Minas

 Receba no WhatsApp as notícias do Três Marias e região

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados