HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 63,20%

TEMPERATURA: 27°C

Idosa enterra cadela viva por se incomodar com latidos em Minas Gerais

Caso foi registrado em Planura, no Triângulo Mineiro. Animal é de uma vizinha e foi resgatado pela própria dona depois de passar uma hora e meia em um buraco.

Incomodada com os latidos da cadela da vizinha, uma idosa enterrou o animal vivo, em Planura. O caso foi registrado na terça-feira (7), e a cachorra foi resgatada pela própria dona depois de passar uma hora e meia enterrada. A Polícia Militar (PM) foi acionada e levou a aposentada para a delegacia.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento do resgate da cadela (veja acima). Nas imagens, a tutora aparece tirando terra do buraco com uma pá com a ajuda da filha, até que o animal consegue sair e foge.

Enquanto isso, a dona e a vizinha discutem. A idosa diz que a cadela “já deveria estar morta”, porque fazia tempo que ela estava enterrada.

“É para gravar mesmo, pode processar”, disse a aposentada.

Segundo a ocorrência, a própria idosa contou para a vizinha que havia enterrado o animal porque não conseguia dormir. Além disso, ela teria afirmado que faria a mesma coisa novamente, se fosse necessário.

Ao g1, a Polícia Civil informou que a aposentada, de 62 anos, teve a prisão ratificada e foi encaminhada para o sistema prisional. Desde 2020, o crime de maus-tratos contra cães ou gatos tem pena prevista de 2 a 5 anos de prisão, além de multa e proibição de guarda.

Por Luís Fellipe Borges, g1 Triângulo — Planura

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados