HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 66%

TEMPERATURA: 28°C

Morre em SP a primeira mulher na PM de João Pinheiro, a Tenente Adriana Kely

Adriana tinha 39 anos e tratava de um câncer em Barretos (SP). Ela foi uma das responsáveis pela fundação do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) da cidade.

Tenente Adriana Kely Correa, de 39 anos, foi a primeira PM feminina de João Pinheiro — Foto: Reprodução

Morreu na terça-feira (11) a tenente da Polícia Militar (PM) de João Pinheiro, Adriana Kely Correa. Ela tinha 39 anos e faleceu em Barretos (SP), onde tratava um câncer há cerca de um ano.

Segundo o colega e amigo, cabo Alexandro Vieira, Adriana se juntou à Polícia Militar em 2002 e foi a primeira policial militar feminina da história da João Pinheiro. Ela também atuou na PM de Meio Ambiente e na Polícia Militar Rodoviária (PMRv) em Patos de Minas.

“Uma pessoa extremamente carismática, do sorriso fácil. Deixou a cidade toda em luto, uma grande personalidade. Competente, amiga, estudiosa”, lamentou o cabo.

Tenente Adriana Correa ao lado do amigo Cabo Vieira — Foto: Cabo Vieira/Arquivo pessoal

Ainda segundo Vieira, Adriana Kely ajudou na fundação do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) de João Pinheiro e proporcionou a formação de cerca de 10 mil alunos. Ela deixa o marido e uma filha de quatro anos.

O corpo da policial será sepultado no Cemitério Parque da Esperança, em Patos de Minas, nesta quarta (12). Em nota, a comandante da 10ª Região da Polícia Militar, Marisa Cunha Nunes Rios, lamentou a perda da colega.

PM lamenta morte da Tenente Adriana Correa — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Por g1 Triângulo — João Pinheiro

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados