HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 63,20%

TEMPERATURA: 27°C

Contestando resultado das urnas, caminhoneiros protestam em rodovias de Minas Gerais

Há movimentos pelo menos em Ipatinga, em Manhuaçu e em Muriaé

Caminhoneiros se manifestam em trecho da 262 na altura de Manhuaçu — Foto: Redes sociais / Reprodução

Desde a noite de domingo (30), caminhoneiros paralisam trechos de rodovias em Minas Gerais, em meio ao movimento de contestação ao resultado das urnas, que deram vitória a  Lula (PT) para a presidência da República, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Há caminhões parados nos dois sentidos de parte da BR-262, na altura de Manhuaçu, na Zona da Mata. A Polícia Rodoviária Federal de Minas Gerais (PRF-MG) confirmou a paralisação às 10h25, no entroncamento do km 590 da BR-116 com o km 50 da BR-262, e atestou que há congestionamento na área, mas não estimou o tamanho.

De acordo com relatos de comerciantes da região, carros de passeio e ônibus estão com passagem liberada e não há congestionamento extenso. Confira vídeo que mostra a situação:

Também há paralisação em Muriaé, na Zona da Mata, no km 702 da BR-116. Automóveis, ônibus e ambulâncias estão liberados para passar, conforme a PRF-MG relatou às 11h. O órgão não informou detalhes sobre uma paralisação em Ipatinga, no Vale do Aço, mas a Polícia Militar afirma que parte da BR-381 está bloqueada na cidade, mas pelo menos uma via está liberada para a passagem de veículos. Na BR-381, de Contagem até Guarulhos (SP), não há registro de paralisação, de acordo com a Arteris Fernão Dias, que administra o trecho. A reportagem percorreu rodovias da região metropolitana e também não encontrou focos de manifestação.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados