HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 63,20%

TEMPERATURA: 27°C

Dupla suspeita de assaltar postos na região de Luizlândia do Oeste (JK) é presa pela Polícia Militar

Policiais receberam denúncia da localização dos criminosos, que tentaram fugir, mas foram presos com arma e dinheiro. Motivo do crime seria para pagar aluguel e dívidas de drogas

Foto: Redação JP AGORA

Durante diligências a um roubo ocorrido em um posto de combustíveis na BR-365 em Luizlândia do Oeste (JK), na noite de segunda-feira (29), a Polícia Militar conseguiu prender dois indivíduos sob a suspeita de terem sido os autores do crime. Dinheiro e uma arma de fogo foram apreendidos.

As informações recebidas pelos policiais apontavam que um dos suspeitos de ter assaltado o Posto Formoso e o Posto Oasis estariam em sua residência no distrito de Luizlândia do Oeste (JK). Os militares se deslocaram de imediato até a casa do suspeito, que empreendeu fuga após avistar a viatura policial. Ele estava na calçada da residência com uma arma de fogo na cintura e ao ver os militares, saiu correndo, entrando na casa e se escondendo na cozinha do imóvel.

Entretanto, o primeiro suspeito, de 26 anos, foi preso pelos policiais e confessou que participou dos dois assaltos, apontando quem seria seu comparsa nas ações criminosas. Ele também justificou o crime dizendo que precisava de dinheiro para pagar o aluguel. Os policiais conseguiram apreender a arma de fogo que ele portava, seis munições, além de R$ 3.200 em dinheiro.

O segundo suspeito, de 25 anos, foi encontrado em sua residência e ao perceber a presença dos policiais militares, correu para o banheiro e tentou se esconder. Segundo a apurado pelo JP Agora, ele resistiu à prisão.

Para a polícia, o jovem confessou que participou dos dois assaltos e também justificou sua ação, dizendo que precisava de dinheiro para pagar dívidas de drogas. No entanto, o revólver usado nos assaltos não foi localizado pelos policiais.

Ainda na residência do segundo suspeito, os policiais conseguiram apreender roupas semelhantes usadas no assalto, sendo estas reconhecidas através do sistema de monitoramento que registrou o crime.

Os dois suspeitos foram conduzidos para a delegacia de Polícia Civil da cidade de Paracatu, mas o suspeito de 25 anos foi liberado durante a madrugada de terça-feira (30) por motivos que ainda não sabemos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados