HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 63,20%

TEMPERATURA: 27°C

Família procura caminhoneiro desaparecido no trajeto Brasilândia de Minas e Buritizeiro

Homem teria desaparecido na estrada que liga as cidades de Brasilândia de Minas e Buritizeiro, quando fazia uma entrega

Idoso é caminhoneiro e trabalha realizando entregas em fazendas produtoras de eucalípto — Foto: Arquivo pessoal

Um idoso de 80 anos, morador de Sete Lagoas, na região Central de Minas, está desaparecido desde a última quinta-feira (24 de agosto). Segundo a família, Efrem Fulgêncio foi visto pela última vez no trajeto entre as cidades de Brasilândia de Minas e Buritizeiro, no Norte do estado, onde iria fazer uma entrega em uma fazenda, na zona rural do município. Horas antes, ele foi visto entrando em uma agência bancária, onde teria sacado R$ 1.500. 

Filha de Efrem, Claudia Helena Fulgêncio, 54, conta que o pai é caminhoneiro e trabalha realizando entregas em fazendas produtoras de eucalipto. Na última quinta, ele teria ido até a cidade de Brasilândia de Minas. Na cidade ele fez, por volta das 7h, um saque bancário. O valor seria usado para despesas da viagem. Instantes depois, o idoso telefonou para a esposa e, em um breve diálogo, relatou que estava bem. Essa foi a última vez que a família teve notícias do idoso.

A família tentou contato com o homem até a manhã de sexta-feira (25), mas desde então o telefone se encontra desligado. Diante do sumiço, o irmão de Cláudia foi até a cidade para procurar o pai e descobriu que, após o contato com a esposa, o trabalhador teria feito uma entrega em uma fazenda na zona rural da cidade, por volta de 14h. De lá, o caminhoneiro seguiria para Buritizeiro, no Norte do estado, onde entregaria mais uma remessa. No entanto, o idoso não chegou ao destino.

Imagens de câmeras de segurança reunidas pela família mostram o idoso trafegando por uma estrada de terra que liga as cidades de Brasilândia de Minas e Buritizeiro. Sem notícias do paradeiro do pai, Cláudia conta que a família fez boletim de ocorrência e pediu ajuda dos Bombeiros para realizar buscas na área. No entanto, os familiares alegam que não tiveram ajuda das autoridades.

Segundo Cláudia, seu irmão e um segundo familiar estão na estrada onde as imagens flagraram o idoso para tentar encontrá-lo. As buscas também contam com ajuda de dois funcionários da empresa onde Efrem trabalha, que fazem uma vistoria da área com a ajuda de drone. A mulher faz um apelo para que as autoridades ajudem nas buscas. “Só peço a Deus que traga ele bem pra casa”, pede.

O Corpo de Bombeiros informou que iniciou as buscas pelo idoso nesta manhã, após receber chamado dos familiares. As buscas seguem neste instante entre os KMs 365 e 258, no perímetro de Brasilândia e Buritizeiro.

O caminhão de Efrem é um Volkswagen modelo Vw 7100 branco, placa GMV 3634. O veículo não possui rastreador. Quem tiver informações sobre o paradeiro de Efrem, pode entrar em contato com a Polícia Civil, por meio do disque-denúncia, no número 181 ou no 0800 2828 197.

Efrem Fulgêncio tem 80 anos.

Em nota, a Polícia Civil (PCMG) disso que o filho do desaparecido, de 51 anos, procurou uma base da Polícia Militar, no último sábado (26), para registrar o desaparecimento de seu pai. Segundo as investigações, o idoso é estaria fazendo entrega de produtos químicos. “Desde então, a Polícia Civil tem realizado diligências investigativas com o intuito de localizar o desaparecido”, afirmou.

A reportagem questionou a Polícia Militar sobre o caso e aguarda retorno.

Fonte: O Tempo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados