HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 66%

TEMPERATURA: 28°C

Nexa e AWS vão capacitar 100 mil novos talentos em computação em nuvem gratuitamente

Programa de capacitação busca reduzir déficit de potencial 530 mil especialistas em tecnologia no Brasil até 2025

A Nexa, uma das maiores mineradoras de zinco do mundo, e a Amazon Web Services (AWS) lançam, em colaboração, o programa Talento na Nuvem, que irá capacitar 100 mil pessoas em fundamentos de computação em nuvem no Brasil e no Peru até 2025. O programa terá cursos oferecidos de forma gratuita e virtual, por meio de empresas parceiras especializadas em capacitação tecnológica – DIO e Proz Educação, no Brasil, e Ubits, no Peru.

O Talento na Nuvem terá duas trilhas de aprendizagem: o Descubra a Nuvem AWS, fase de introdução aos fundamentos da nuvem, e o Talento Cloud Pro, curso que avança em outras habilidades, como a programação e habilidades socioemocionais. As inscrições para os dois cursos podem ser feitas neste link.

O Descubra a Nuvem AWS é uma formação de cinco horas de duração sobre os conceitos básicos da computação em nuvem e sobre as soluções oferecidas pela AWS de forma simples, rápida e com certificado para quem concluir a trilha. O curso será disponibilizado na plataforma da DIO a partir de 14 de junho.

Após o curso Descubra a Nuvem AWS, 3 mil pessoas serão selecionadas para o curso profissional Talento Cloud Pro, com conteúdo de introdução à programação, habilidades socioemocionais, o curso AWS Cloud Practitioner, que apresenta os conceitos, serviços e terminologia da nuvem AWS, e capacitação no uso do Amazon CodeWhisperer, ferramenta de programação da AWS baseada em inteligência artificial que ajuda a melhorar a produtividade dos desenvolvedores. Com 300 horas de carga horária distribuídas em quatro meses, a capacitação terá início no dia 31 de julho, e será conduzida pela Proz Educação, no Brasil. Após formados, os estudantes receberão vouchers gratuitos para realizarem o exame de certificação AWS Cloud Practitioner, primeiro nível de certificação da AWS.

Entre as habilidades socioemocionais desenvolvidas no Talento Cloud Pro estão pensamento analítico, resiliência, e curiosidade, acompanhada da consciência da necessidade de estar constantemente aprendendo. Essas estão entre as principais competências não técnicas mais valorizadas pelos empregadores, de acordo com o relatório do Fórum Econômico Mundial O Futuro do Trabalho 2023, que entrevistou empresas de 45 países.

Para participar da seleção para o Talento Cloud Pro, os estudantes devem ter concluído ou estarem cursando o terceiro ano do ensino médio em escola pública, deverão fazer uma prova de lógica e enviar um vídeo de até cinco minutos apresentando-se e compartilhando suas motivações para fazer o curso.  Terão prioridade na seleção candidatas mulheres, e pessoas das comunidades negra e LGBTQIA+. Após a conclusão do curso profissional, os formandos serão conectados a empresas do ecossistema da Nexa e da AWS que tenham vagas abertas com esse perfil.

Segundo levantamento do Fórum Econômico Mundial, computação em nuvem será uma das tecnologias mais adotadas por empresas de todos os setores até 2025. No Brasil, a Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), estima que haverá um déficit de 530.000 especialistas em tecnologia até 2025.

De acordo com Gustavo Cicillini, vice-presidente de recursos humanos e corporate affairs da Nexa, essa parceria integra ainda mais a proposta de construção de legado da companhia. “A parceria com a Amazon abre a possibilidade de desenvolver formação técnica de jovens e adultos de diversas regiões do país, incluindo aquelas em que estamos presentes. A Nexa incentiva a capacitação em áreas com potencial de alta demanda no curto prazo para que os alunos possam ter novas perspectivas de carreira e contribuir com o desenvolvimento econômico das cidades em que vivem”, diz.

O Talento na Nuvem será implementado também no Peru, como parte das iniciativas de treinamentos massivos da AWS para ajudar a reduzir a escassez de profissionais habilitados a trabalhar com a nuvem na América Latina, onde a empresa já capacitou mais de 1,2 milhão de pessoas em habilidades de nuvem desde 2017, sendo mais de 500 mil apenas no Brasil.

“A colaboração com a Nexa faz parte de uma série de iniciativas da AWS que tem o objetivo de ajudar a reduzir a lacuna de talentos em TI, trazendo para esse mercado pessoas que não têm conhecimento prévio em tecnologia e, assim, aumentando a diversidade no setor”, afirma Andrea Leal, gerente de Treinamentos Massivos da AWS na América Latina. “A nossa capacitação profissional tem um diferencial fundamental: a introdução ao Amazon CodeWhisperer, que prepara esses talentos para usar ferramentas de inteligência artificial. Eles saem com uma forte vantagem competitiva.”

Em dezembro de 2020, a AWS assumiu o compromisso de capacitar 29 milhões de pessoas em todo o mundo em habilidades de computação em nuvem até 2025. Até o momento, já foram treinadas mais de 13 milhões de pessoas.

Sobre a Nexa

A Nexa Recursos Minerais é uma das maiores produtoras de zinco do mundo. Atua há mais de 65 anos nos segmentos de mineração e metalurgia, com operações localizadas no Brasil e no Peru e escritórios em Luxemburgo e Estados Unidos, fornecendo seus produtos para todos os continentes do mundo. Seus colaboradores atuam, todos os dias, focados na construção da mineração do futuro, para ser cada vez mais sustentável, inovadora e com as melhores práticas de segurança e respeito às pessoas e ao meio ambiente. Desde 2017, suas ações são negociadas nas Bolsas de Valores de Nova York, sendo seu acionista majoritário a Votorantim S.A. Para mais informações, acesse o site da Nexa.

Sobre a Amazon Web Services

Desde 2006, a Amazon Web Services tem sido a oferta de nuvem mais abrangente e amplamente adotada do mundo. A AWS vem expandindo continuamente seus serviços para oferecer suporte a praticamente qualquer carga de trabalho na nuvem e agora tem mais de 200 serviços completos para computação, armazenamento, bancos de dados, redes, análises, aprendizado de máquina e inteligência artificial (IA), Internet das Coisas (IoT), dispositivos móveis, segurança, híbridos, virtuais e realidade aumentada (VR e AR), desenvolvimento, implantação e gerenciamento de mídia e aplicativos a partir de 99 zonas de disponibilidade em 31 regiões geográficas, com planos anunciados para mais 15 zonas de disponibilidade e mais cinco regiões da AWS no Canadá, Israel, Malásia, Nova Zelândia e Tailândia. Milhões de clientes, incluindo as startups que mais crescem, as maiores empresas e as principais agências governamentais, confiam na AWS para potencializarem sua infraestrutura, tornarem-se mais ágeis e reduzirem custos. Para saber mais sobre a AWS, visite aws.amazon.com.

Sobre a DIO

Fundada em 2018, a DIO é a primeira plataforma Open Education brasileira que tem como objetivo democratizar o conhecimento em desenvolvimento de software e tecnologias exponenciais para acelerar a formação de mais de 5 milhões de talentos digitais, conectando-os com grandes oportunidades que potencializam o desenvolvimento socioeconômico regional. Atualmente o ecossistema da startup conta com mais de 1 milhão profissionais de tecnologia, 1.000 instituições de ensino, 2.000 embaixadores, 500 experts e mais de 1.000 empresas conectadas por meio dos programas educacionais.

Sobre a Proz Educação

A Proz é referência em qualidade na Educação Profissional com mais de 25 escolas no Brasil. Com foco na empregabilidade desenvolve programas sob medida para empresas. Por meio de uma plataforma de aprendizagem própria, de engajamento e gamificação e programas de formação para qualificação, upskilling e reskilling nas áreas de Saúde, Tecnologia e Gestão.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados