HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 66%

TEMPERATURA: 28°C

Polícia encontra outros três corpos no DF; assassinatos podem estar relacionados a chacina

Segundo as primeiras informações, corpos foram localizados dentro de uma cisterna em uma casa abandonada

Dois carros da família foram encontrados com corpos carbonizados, um em Goiás e um em Minas Gerais

A Polícia Civil do Distrito Federal (DF) encontrou outros três corpos que podem estar relacionados ao desaparecimento de dez pessoas da mesma família. A informação foi divulgada na madrugada desta terça-feira (24) pela corporação e veiculada pela TV Globo.

À reportagem da TV Globo, o delegado Ricardo Viana disse que os corpos foram localizados dentro de uma cisterna em uma casa abandonada. As vítimas não foram reconhecidas, mas, são duas mulheres – sendo uma delas adolescente – e um homem.

O delegado disse que os corpos foram bem enterrados e foram cobertos por cal, o que dificulta a identificação por cães farejadores. Entretanto, foi justamente com a ajuda dos animais que a corporação encontrou os corpos. As vítimas já estavam em avançado estado de decomposição.

Entenda o caso

Na última quarta-feira (18), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) confirmou se tratar de duas mulheres os corpos encontrados carbonizados em meio ao desaparecimento de pessoas da mesma família. Esses corpos foram localizados dentro de um carro da família na BR-251 em Unaí, no Noroeste do Estado.

“Foram colhidos material para exame de DNA e outros complementares, como o toxicológico e de anatomia patológica, que vão indicar se as vítimas estavam vivas quando submetidas à ação do fogo”, detalhou Alexander Dionísio, médico legista do setor de antropologia forense.

Ele citou que os dois corpos foram expostos a grande quantidade de calor e por muito tempo, o que dificultava ainda mais a identificação.

Por Itatiaia

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados