HORA CERTA:

NÍVEL DA REPRESA: 63,20%

TEMPERATURA: 27°C

Zema diz que escolas cívico-militares continuam em MG mesmo após determinação de fim pelo governo federal

Nas redes sociais, o governador informou que a gestão será compartilhada com o Corpo de Bombeiros.

Escola cívico-militar em Ibirité, na Grande BH — Foto: Reprodução/Google Street View

Mesmo após determinação do governo federal de descontinuar o Programa Nacional de Escolas Cívico-Militares (Pecim), o governador Romeu Zema (Novo) anunciou nas redes sociais que o projeto seguirá funcionando em Minas Gerais.

A gestão dessas escolas será compartilhada entre a Secretaria de Estado de Educação (SEE-MG) e o Corpo de Bombeiros.

Programa

Criado em 2019 durante o governo Jair Bolsonaro (PL), o programa permitia que escolas públicas aderissem ao modelo cívico-militar, em que militares da reserva atuam como monitores no ambiente externo à sala de aula, disciplinando o comportamento dos alunos.

Apesar de representar uma parcela mínima das escolas públicas do país, em 2022, a verba federal prevista para o Pecim era de R$ 64 milhões. O valor é quase o dobro do montante listado para implantação do Novo Ensino Médio, que era de R$ 33 milhões.

Especialistas ouvidos pelo g1 ressaltaram que faltam dados públicos que comprovassem a eficácia do programa. Não se sabe, por exemplo, detalhes sobre o desempenho dos alunos que frequentam essas escolas, o que permitiria traçar um paralelo com o período pré-militarização.

Em Minas Gerais, 17 escolas que aderiram ao programa podem ser afetadas pela decisão da União. Nove delas são estaduais.

Escolas estaduais de MG que aderiram ao modelo cívico-militar

UnidadeCidade
Escola Estadual Princesa IsabelBelo Horizonte
Escola Estadual dos PalmaresIbirité
Escola Estadual Olímpia de BritoTrês Corações
Escola Estadual Cônego Osvaldo LustosaSão João Del Rei
Escola Estadual Padre José Maria de ManContagem
Escola Estadual Wenceslau BrazItajubá
Escola Estadual Assis ChateaubriandBelo Horizonte
Escola Estadual Professora Lígia Maria de MagalhãesContagem
Escola Estadual Governador Bias FortesSantos Dumont

Fonte: Pecim

Por g1 Minas — Belo Horizonte

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados